Jogo de Torneio #290 – SWT

Oitavo jogo do Mengo/Várzea na tradicional SWT, temporada 13. Em mais um jogo apertado, o time começou perdendo por 1-3 mas reagiu nos últimos 15 minutos e arrancou empate por 3-3 contra time da V Divisão da Holanda. Os gols foram marcados pelos atacantes prata-da-casa Otoniel Amorim (2) e José Luiz Miranda.

 

 

Os espectadores no estádio hoje foram preparados para uma tarde de sol. O calor intenso tornou a partida difícil para os jogadores que confiam na força ou velocidade. Por outro lado, forneceu condições perfeitas para os jogadores mais técnicos. Uma constelação de craques vai entrando em campo sob os aplausos frenéticos da torcida! E lá vêm eles: Ramos CostaTejería, de Wijkersloot, GirardinYan, Roomer, Spruijt, van der Ham, BiesheuvelHeistek, Gracia.

Confira comigo a escalação: CoenegrachtTaboin, Reis, VellemäeZima, Witcher, Kiszi, GrymovAmorim, Miranda, Tucano.

de raketjes começou o jogo num 3-5-2, enquanto o(a) Mengo/Várzea Medicine 3012entrou em campo num 3-4-3. Mengo/Várzea decidiu lançar mão de seus talentos e para tal resolveu utilizar de toda sua criatividade. GOLAÇO!! Aos 17 minutos Gérard Heistek desempata o jogo para o(a) raketjes numa meia-bicicleta, depois de uma tabela pelo meio da defesa adversária. O jogo agora está em 1 a 0. Derrick Witcherdo(a) Mengo/Várzea apareceu livre na entrada da grande área e chutou forte, quase acertando um fotógrafo que se posicionava perto da trave esquerda (19 minutos). O relógio marcava 24 minutos de jogo quando José Luiz Miranda mostrou sua famosa velocidade, deixando o marcador pra trás e dando um passe perfeito para Otoniel Amorim marcar um gol para o(a) Mengo/Várzea. O placar muda para 1 a 1. Aos 30 minutos, com um chute certeiro após uma linda triangulação pela direita, Tokerau Gracia do(a) raketjes anota para o time da casa. O placar agora é 2 a 1. Ai! Essa doeu até em mim. Cartão amarelo para Derrick Witcher no 31º minuto, justíssimo. Quando é dado o apito final do primeiro tempo o placar indica: 2 a 1. Este intervalo é um gentil oferecimento da milagrosa caninha de Jarinu, patrocinadora oficial da Seleção Brasileira. Parece que o esquema “tic-tac” do técnico do(a) Mengo/Várzea funcionou muito bem, já que eles dominaram o meio de campo com 51% da posse de bola ao final desses 45 minutos.

Demilio Yan teve uma fantástica oportunidade de aumentar a vantagem do(a) raketjesaos 50 minutos, mas ele chutou por cima do gol, sem perigo. José Luiz Miranda entrou rápido pela direita, chutou muito bem colocado, mas a bola bateu na trave e saiu (51 minutos). As coisas pioraram para os visitantes. Tokerau Gracia escapou pelo meio da zaga adversária aos 69 minutos, alcançando a vantagem de 3 a 1. Ele beijou o emblema exibido em seu peito e foi comemorar junto da torcida. A inexperiência dos jogadores do(a) raketjes pode custar caro neste fim de jogo. Nikolay Grymov quer matar sua torcida do coração!! Ao dar um passe para o lado sem olhar, acertou o juiz, fazendo a bola sobrar para Tokerau Gracia que voltava do lance anterior. Talvez por estar rindo sozinho ele perdeu esse gol (73 minutos). A resposta veio aos 75 minutos de jogo, com a jogada de José Luiz Miranda que, vendo da meia-lua o goleiro adiantado, encobriu e colocou a bola no fundo da rede. Placar até o momento: 3 a 2.Protestos de toda torcida quando o juiz mostrou apenas um amarelo ao Otoniel Amorim do(a) Mengo/Várzea, após cometer uma violenta falta por trás aos 80 minutos. Apesar de ter sido um carrinho claro, nas pernas do adversário, o juiz resolveu apenas dar um aviso final ao jogador. Falta em dois toques para o(a) Mengo/Várzea, próxima à linha lateral do gramado. A bola é tocada para o meio, numa linha de passes brilhantemente executada. A defesa, completamente perdida, não percebe a chegada de Otoniel Amorim pelo outro lado, para completar sozinho para as redes. O placar mostra agora 3 – 3, aos 83 minutos de jogo. Escanteio cobrado com precisão na meia-lua, Remon Biesheuvel do(a) raketjes acertou um lindo “sem pulo” de primeira, a bola caprichosamente bate na trave e sobra direto nos pés de Jacinto Tejería, que foi travado e não conseguiu finalizar. A partida vai chegando ao fim, o juiz já podia até acabar, mas decidiu dar mais 2 minutos de acréscimo. Apita o árbitro, fim da partida! O resultado final é 3 a 3. Meios de campo iguais, posse de bola igual. A bola ficou igualmente dividida entre os dois times.

Dribles desconcertantes! Passes precisos! Calma e parcimônia em cada jogada. Jean-Marc Spruijt, do(a) raketjes, jogou muito essa noite, enquanto que o Francisco Augusto Ramos Costa leva o prêmio Botinha Anatômica pela sua atuação ridícula em campo.Minhas retinas fatigadas vão guardar a imagem do László Kiszi armando suas jogadas, se destacando no meio do escrete do(a) Mengo/Várzea, por outro lado, o que aconteceu com Sämi Zima? Parece que desaprendeu a jogar bola!

Detalhes de desempenho

Meio-campo formidável (baixo) formidável (baixo)
Defesa direita fenomenal (mt. alto) fenomenal (alto)
Defesa central fenomenal (alto) fenomenal (baixo)
Defesa esquerda fenomenal (alto) fenomenal (baixo)
Ataque direito razoável (baixo) razoável (alto)
Ataque central brilhante (alto) genial (baixo)
Ataque esquerdo razoável (alto) razoável (baixo)
Tiro livre indireto
Defesa razoável (mt. alto) brilhante (mt. baixo)
Ataque inadequada (mt. alto) fenomenal (alto)
Orientação
Tática Normal Jogar com criatividade
Nível (nenhuma tática) colossal
Estilo de jogo 20% ofensivo neutro

Reações da comunidade

Ninguém escreveu um comunicado de imprensa sobre isso ainda.

Publicar um comunicado de imprensa sobre essa partida

Destaques

1 – 0 Gérard Heistek 17′
1 – 1 Otoniel Amorim 24′
2 – 1 Tokerau Gracia 30′
3 – 1 Tokerau Gracia 69′
3 – 2 José Luiz Miranda 75′
3 – 3 Otoniel Amorim 83′
Derrick Witcher 31′
Otoniel Amorim 80′

Posse de Bola

49%
51%
50%
50%

Distribuição de chances

Mandante Visitante
9 5
0 Ataque esquerdo 0
3 Ataque central 1
2 Ataque direito 1
2 Outro 2
2 Eventos especiais 1

Estatísticas exclusivas

 

About mengomengo