Primeiros tropeços da temporada

Nesta última semana ocorreram os primeiros tropeços da temporada taquariana. O alviverde sofreu dois resultados inesperados consecutivos, o que abalou a confiança da torcida. O primeiro ocorreu na Quarta-feira, com derrota por 2×0 fora de casa na Copa do Brasil, que eliminou o time da competição. Os torcedores taquarenses se perguntam quais os motivos dos pífios resultados da equipe neste torneio. O discurso da direção é que a política de renovação do plantel leva o clube a utilizar o certame para lançar suas jovens promessas, priorizando desta forma o campeonato nacional. De qualquer forma, tem torcedor que nem lembra mais a última vez que viu jogo da Copa do Brasil na Arena da Caçapa…

Mas o revés mais significativo veio no Domingo. O Taquaraço jogou de sangue doce em casa contra o Vasco da Gama, vice-lanterna do grupo. Logo aos 2 minutos, Pekka abriu o marcador, mais um gol para se consolidar como artilheiro da competição. A equipe cansou de perder gols no primeiro tempo, e a velha máxima do futebol se mostrou mais uma vez verdadeira: quem não faz, leva. Aos 12 do segundo tempo o Vasco empatou, e aí não teve santo que fizesse a bola entrar. Resultado final: água no chope da Taquarada, que viu o Todo Poderoso empatar em casa com um candidato à rebaixamento.

– É inadimissível perder pontos em casa dessa forma. Parece que o time não faz questão de subir direto para a IV divisão. – foram as únicas palavras do técnico da equipe na coletiva após o jogo. Soco na mesa e chute na porta: os boleiros devem ter ouvido poucas e boas após praticamente jogar o esforço da direção em trocar de grupo no lixo.

About taquaraco